“Up All Night” | A primeira direção de One Direction | Crítica

Esses jovens cativaram o mundo e fizeram história com suas doces canções sobre amor

Imagem relacionada

Após ser formada e ter ficado em 3º lugar na sétima temporada do reallity show de calouros, “The X Factor”, a banda anglo-irlandesa One Direction assinou um contrato de 2 milhões de Euros com a Syco Records. Os jovens cantores haviam conquistado os corações ingleses e irlandeses com tanta fofura , logo Simon Cowell percebeu que os cinco adolescentes seriam um ótimo investimento, e ele estava certo.

Em Novembro de 2011, não só a Inglaterra, ou a Irlanda, mas o mundo todo conheceu essa que seria uma das maiores boy bands da história. Dois meses antes havia sido solto seu single de estreia, “What Makes You Beautiful”, para preparar o terreno para o álbum.

A canção foi lançada em Setembro daquele ano e alcançou a primeira posição do UK Singles Chart, ficando no top 10 de mais de 10 países, sendo platina em 6 deles. A música tem elementos de Pop Rock, sendo bem dançante e sua letra fala sobre o que os meninos acham bonitos nas garotas, afirmando que aquilo que as deixam inseguras, é exatamente o que eles gostam nelas.

“Up All Night”chegou ao top 10 de mais de 25 países, incluindo o Brasil, e já é platina aqui. A crítica especializada escreveu muitas notas elogiosas à banda, parabenizando o seu primeiro trabalho e a forma como ele se encaixa.

A produção ficou nas mãos de Ash Howes, BeatGeek, Brian Rawling, Carl Falk, Jimmy Joker, Matt Squire, Paul Meehan, Rami Yacoub, RedOne, Richard “Biff” Stannard, Savan Kotecha, Shep Solomon, Steve Mac, Steve Robson, Toby Gad e Tom Meredith.

O álbum trás uma essência do Pop Rock britânico, mas com influências do Teen Pop e o Dance, sendo um produto feito para dar certo, tanto nas rádios britânicas, quanto americanas. Em geral, “Up All Night” é um álbum Pop que soa como Rock, principalmente por conta da mistura de instrumentos físicos e o sintetizador.

Suas baladas são muito boas e bem coerentes em relação às outras faixas. Um exemplo é a faixa “More Than This”, que tem influências do Country, mas aos poucos vai se tornando maior, principalmente após seu refrão.

As músicas conversam com um público bem jovem, por volta de seus 13 a 16 anos, por isso parece que o álbum todo fala sobre a mesma coisa: o amor, e como ele pode nos mudar, como o amor nos ajuda a amadurecer, como ele nos machuca, etc. Outros temas como relacionamentos, mágoas e empoderamento também são discutidos.

São mais de 20 compositores trabalhando nas 13 faixas do álbum, até Kelly Clarkson assinou uma das faixas, “Tell Me a Lie”. Os vocalistas assinam apenas 3 músicas, “Taken”, “Everything About You” e “Same Mistakes”.

Ao todo o disco teve quatro singles, a começar por “What Makes You Beautiful”, “Gotta Be You”, “One Thing” e “More than This”.  

“Up All Night” é um debut muito interessante. É um projeto feito para dar certo, sem nenhum erro. As músicas são boas, os vocalistas parecem colírios da Capricho e as suas composições falam sobre o que os adolescentes gostam de ouvir. É um caso semelhante ao que aconteceu com a Britney, que teve uma carreira bem fabricada.

Nota: 3,5/5.

Ouça:

Download.

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.