BLACKPINK – “Kill This Love”: Análise de clipe

BLACKPINK lança novo vídeo-clipe cheio de referências à mitologia grega, confira:

Com muitas cores, luzes e figurinos incríveis e caros, a girlband sul-coreana BLACKPINK recheou seu novo vídeo-clipe com diversas referências e simbolismos. É um trabalho que funciona em camadas, e aprimeira vista pode parecer razo, mas tem bastante informação dentro destes três minutos de vídeo.

Mesclando as referências mitológicas – como a imagem de uma deusa em meio à água, interpretada por Jisoo – com a atualidade. Cada ato do vídeo mostra uma fase diferente do término de um relacionamento.

Enquanto Jennie representa este amor ainda firme, Lisa já entra para falar sobre o término, em uma cômica cena no mercado, dando a entender que os doces a farão esquecer seu amante. Sua estrofe soa como um “como fui tola ao acreditar no seu amor”, mostrando que mesmo após o término, tudo ainda está bem.

Mas então Jisoo surge como uma sábia entidade, que fala sobre o fato de que apenas um deles sairá machucado desta relação, ainda que isso tenha sido desvantajoso para ambos. Rosé representa a fragilidade emocional, e como isso tudo a desgastou, quando aparece em uma cena de fuga, como se fugir deste sentimento fosse a melhor solução.

É ai que o poderoso refrão grita “vamos matar esse amor”, simbolizando o afeto da amizade, sendo suas amigas o seu exército. O que explica os trompetes utilizados no instrumental.

Leia também: DUA LIPA – “KISS AND MAKE UP” COM PARTICIPAÇÃO DE BLACKPINK | CRÍTICA

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.