Crítica: Tiago Iorc “Reconstrução”

Após mais de dois anos fora das mídias, Tiago Iorc voltou de surpresa com álbum audiovisual inédito além de manifestar sua evolução como artista.

Capa do álbum 'Reconstrução', de Tiago Iorc — Foto: Reprodução
  • Artista: Tiago Iorc
  • Álbum: Reconstrução
  • Lançamento: 05/05/2019
  • Gravadora: Universal Music

Nota: 9,5/10

Tiago Iorc deixou as redes sociais a mais de dois anos sem dar pistas de onde estava apenas declarando que precisava de um tempo para repensar na sua carreira. Seu novo trabalho confessional “Reconstrução” que totaliza 13 faixas e 13 videoclipes sequenciais inéditos dá ao público um artista mais maduro, introspectivo e principalmente um compositor impressionante.

Com letras profundas e conceituais, o álbum traz os dilemas do amor a dois, do contentamento ao desencanto de uma relação. Nas faixas “Deitada Nessa Cama” e “Nessa Paz Eu Vou” são exemplos dos momentos amáveis, principalmente nos videoclipes, já “Bilhetes” e “Sei” traçam os dilemas do amor.

Tem dias que parece
Que não vou conseguir
O medo me persegue
Me impede de sentir
Eu só quero amar direito
E ser tudo que eu puder
Seja o que for
Venha o que vier

Trecho da música “Bilhetes”

Iorc apresenta uma sonoridade mais densa neste novo disco, com a entrada de novos instrumentos e coros, viajando pelas referências da MPB, Folk, Funk. É como uma montanha-russa de sentimentos e sensualidade. Mais do que voz e violão, marca registrada na era “Troco Likes”, “Reconstrução” é o novo caminho traçado pelo artista, que pretende se aprofundar cada vez mais em suas emoções e como elas se transformam em melodia.

Ouça:

Assista aos videoclipes:

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.