Em “Raising Hell” Kesha mata os fantasmas de seu passado

As vezes uma garota boa precisa mostrar que está viva, e fazer travessuras pode ser mais satisfatório do que viver sempre na linha, e Kesha sabe muito bem disso. Apesar de ter vivido um inferno em terra, não se limitou apenas à sentar e chorar, mas mostrou que ainda entende de abgunça.

Capa do álbum High de kesha.

“Raising Hell” é o primeiro single de sua nova era, intitulada “High”, e ao que tudo indica esta será a capa do disco. Parece que ta na moda fazer capa feia pros álbuns, FKA Twigs que o diga – será que estamos voltando aos poucos para os anos 70? Não sei.

A música foi produzida por Omega & STINT, que entregam um ótimo hit de Dance Pop, com um registro mais grave da voz da cantora. O single é em colaboração com o Big Freedia, que empresta alguns vocais à obra.

É uma canção que acaba nos remetendo um pouco ao movimento Country, mas só lembra mesmo, pois não há nenhum elemento do gênero musical incluido na canção. É de fato uma música poderosa e descontraída, mas não é o tipo de música que se ouve mais de uma vez.

Resultado de imagem para Música

Até a capa do single é mais bonita que a do álbum… Enfim, segundo a própria Kesha, “o conceito da música é que as pessoas boas às vezes gostam de fazer coisas ruins, e isso não tira de você uma alma fantástica. É meio divertido ser travesso”. O clipe mostra uma relação abusiva, que se encaixa na composição e nos remete aos problemas que a cantora enfrentou no passado, agora ela só quer se divertir, como diria Cyndi Lauper.

6/10 – Nota

Ouça na íntegra:

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.