Entenda o padrão fraco e falido dos romances teen da Netflix

Há quem diga que os romances teen dos anos 80, como “A Garota De Rosa Shocking” e “Gatinhas E Gatões” são iguais e possuem a mesma fórmula ultrapassada, e que esse mesmo fenômeno voltou a acontecer no final dos anos 90, com as obras “10 Coisas Que Eu Odeio Em você”, “Ela É Demais” e “Ela E Os Caras”.

Ainda sim acredito que esses filmes tenham ainda mais personalidade e autenticidade em seus roteiros do que qualquer um dos romances água com açúcar produzidos, principalmente, pela Netflix entre 2016 e 2019.

O famoso serviço de stream de filmes e séries está cada vez investindo mais em um conteúdo próprio e alguns de seus originais são realmente muito bons, como é o caso de “Stranger Things” e “O Mundo Sombrio De Sabrina”, além de outras séries, como “Sense 8” e “Anne With An E”, que são incríveis, mas foram canceladas (???).

Desde que esse projeto de “mais conteúdo original e menos conteúdo de terceiros” começou, saiu cada pérola que alguns dos filmes a gente finge até que nem viu – como é o caso do longa de terror “Vende-se Esta Casa”, de 2018, onde o maior terror é realmente aguentar mais de uma hora e meia de enrolação e jump-scares horríveis.

Mas o pior ainda estava por vir, pois em agosto de 2018 a Netflix lançou o longa “Para Todos Os Garotos Que Já amei”, que até agradou uma galera, mas não conquistou os fãs do livro de mesmo nome, escrito por Jenny Han. Inclusive, a Netflix vem adaptando muitas obras literárias, os próprios “Anne With An E” e “O Mundo Sombrio De Sabrina” são um exemplo disso, mas existe um pequeno problema chamado Noah Centineo.

Segura, coração! Noah Centineo volta para a Netflix em nova ...

Veja bem, Noah é um bom ator e é super carismático, mas o real problema é que ele está presente em quase TODOS os romances teen produzidos pela Netflix. Sério, quando anunciaram a adaptação da obra “A Seleção”, precisaram subir uma tag no Twitter pedindo para não colocarem o ator como protagonista (kkkkkkk).

Em relação aos filmes posso relatar diversos probleminhas que encontrei e que se repetem em sua grande maioria. O principal deles é a forma rasa como abordam temas sérios. Como em “Para Todos Os Garotos Que Já amei” onde é mostrada uma cena de “vazamento de nude” e o tema é mostrado de forma super irresponsável, então mágicamente o roteiro ignora essa exposição e já pula para o final feliz e perfeito dos protagonistas.

Mas se você pensou que não poderia piorar, se prepara pois também em 2018 foi lançado “Sierra Burges É Uma Loser”, que é um filme sobre fazer catfishing! A mensagem que o filme tenta passar é “não tenha vergonha de ser quem você é, não se esconda por trás de fakes na internet”, mas tudo o que ganhamos é uma protagonista de caráter duvidoso, que termina o filme não se amando, mas pelo menos ela ganha o coração de Noah Centineo (sim, ele também está nesse filme).

Sierra Burgess É uma Loser: Noah Centineo revela que já foi ...

Além disso, um detalhe pertinente que notei assistindo aos filmes, na esperança de achar algum deles bom, foi a forma como usam do pink-money para se promover. Todos esses filmes tem personagens gays, mas eles só servem de “bixinho de estimação” dos protagonistas. Então, se você estiver produzindo um filme e não souber desenvolver seu personagem, torne-o gay.

Isso sem falar nos furos de roteiro que você encontra na maioria desses filmes. A impressão que fica é que a Netflix quer entrar no mercado fonográfico, pois a única coisa boa dessas obras são suas trilhas-sonoras, que são bem melhor trabalhadas. E eu não vou nem falar sobre a irresponsabilidade de “13 Reasons Why” e o desastre que é “A Barraca Do Beijo”, que irão ganhar continuações.

Mas qual a sua opinião? Vcoê gostou de algum desses filmes ou concorda comigo? Deixe sua opinião nos comentários abaixo. Enquanto escreve você pode ouvir a trilha-sonora de “Sierra Burges É uma Loser”.

5 comentários sobre “Entenda o padrão fraco e falido dos romances teen da Netflix

  1. Nunca li uma matéria tão inútil quanto essa. Você, redator, acha mesmo que se fosse algo falido, uma empresa multimilionária, que comanda um negócio que revolucionou o mercado audiovisual, investiria ?

    Enquanto você escreve essas asneiras, os caras tão ganhando dinheiro com a “fórmula falida” deles.

    Curtir

    1. Não falei sobre a rentabilidade. Dificuldade em interpretar texto? Eu falei sobre a fórmula falida, que gera mais reclamações que elogios à empresa. Se a matéria fosse inútil, você não teria perdido seu tempo comentando. Se eu consegui te irritar, então meu objetivo foi cumprido.

      Curtir

      1. Por coincidência, vi essa resposta. Cara, sua ignorância não permitirá que eu nunca mais entre nesse blog meia boca. Tenho alguns blogs, no nicho de moda, e nunca trataria alguém assim por expor sua opinião, só porque é diferente da minha. Boa sorte.

        Curtir

  2. A Em após ler essa matéria vem a pergunta: O que vc espera de série de romance adolescente? Por que as pessoas esperam isso mesmo, clichês…
    Nem gosto desse tipo de conteúdo, mas por acaso vi um dos filmes citados. As críticas não fazem muito sentido ao meu ver.
    As séries não tem nenhuma obrigação de ser “curso de desconstrução”, mesmo que abordem certos temas. Por que a personagem do filme deve se aceitar plenamente no final do filme? Se ela consegue terminar feliz, ou minimamente se aceitar, ou apenas seguir, isso é bem menos clichê do que terminar o filme com uma pessoa pronta.
    Aliás, os desfechos e tramas dos filmes se tornam melhores quando são assim mesmo. Esse texto toca em tantos pontos que fica difícil saber que você de fato quer. O título já é meio redundante. Por que esperar tanto de séries sobre romances de adolescentes? Pelo amor amiga.

    Curtir

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.