Você Precisa Ouvir: Sade – “Love Deluxe” (Em busca de um amor irreal)

Sade é uma banda britânica formada por quatro integrantes, sendo eles Sade Adu (vocalista), Stuart Matthewman (guitarra e saxofone), Paul Spencer Denman (baixo), Andrew Hale (bateria) e Paul Cook (bateria). A banda é categorizada como Soul, Blues, Jazz, R&B e Reggae.

Formados em 1982, eles permanecem juntos até hoje e seu maior sucesso é a canção “Smooth Operator” de 1984. Sade, no entanto, possui uma obra-prima em sua discografia, composta de 7 álbuns em estúdio, chamada “Love Deluxe” lançado em 1992.

“Love Deluxe” é o quarto disco da banda e veio após um hiatus de 4 anos, onde a banda estudou um conceito para a obra e estudou também o mercado para saber qual era a melhor sonoridade a ser explorada. A voz da vocalista Sade está bem mais suave e bem melódica, diferente do R&B gritado no qual estamos acostumados.

Esses vocais sussurrados se encaixam perfeitamente na história que a banda conta durante as nove faixas. Inspirada pelo romance “A Pequena Sereia” de 1989, Sade encarna uma sereia que se desloca à superficie na esperança de viver um grande amor com um homem do qual ela salvou de um afogamento, mas descobre que a realidade não é nada bela.

O disco é produzido pela própria banda em colaboração com Mike Pela. Os instrumentos são usados de forma a recriar um ambiente tropical e “aquático”, por assim dizer, principalmente falando da percussão e do Baixo.

Yoga Fallon GIF - Find & Share on GIPHY

O disco é aberto com o single “No Ordinary Love”, que apresenta a personagem de Sade e o conceito da obra. Inspirada pelo Reggae, a vocalista canta sobre um amor não correspondido que a fez tentar de mais e se doar muito por algo que não vai satisfazê-la. O vídeo-clipe inspirado no clássico da Disney “A Pequena Sereia” ilustra bem o sentimento de decepção que a música passa.

“Feel No Pain” vem em seguida mostrando a força do gueto britânico. Condições precárias de vida são precárias até em Londres e Sade deixa isso bem claro ao explicar na letra como é triste viver na pobresa, entrando e saindo de empregos e vendo seus parentes perderem seus trabalhos, voltando sempre para uma situação vulnerável.

Logo após temos “I Couldn’t Love You More” que continua “No Ordinary Love”. Sade, por mais machucada que tenha sido por esse amor comum, continua a amar esse homem com todas as suas forças. A letra é super romântica, o instrumental, no entanto, não passa esse mesmo tom de amor.

“Like A Tattoo” é a canção mais triste do disco e não é atoa. Ela distoa do assunto principal, falando sobre a guerra. A vocalista explicou que inspirou a letra em um homem que conheceu em um bar, onde ele a contou sua história. A música é acústica e fala sobre as cicatrizes das lembranças desse homem sobre os momentos horríveis que viveu.

Depois vem “Kiss Of Life” que é um pouco mais otimista em relação as outras faixas do disco. Sade faz alusão ao “beijo de amor verdadeiro” e na letra ela descreve estar bem apaixonada e vivendo o auge de seu amor, mas no clipe percebemos que sua personagem está apenas sendo otimista de mais e vendo amor onde existe apenas sexo.

Em seguida temos a faixa “Cherish The Day” que continua a saga da personagem de Sade em busca de seu grande amor. A vocalista canta sobre aproveitar a companhia de seu amado enquanto ele permanece com ela e afirma que sua presença é um presente maior que herdar o paraíso. Nas entrelinhas podemos ver sinais de uma relação tóxica.

“Pearls” vem logo após carregada por um incrível conjunto de cordas tocadas em notas graves. A canção é trágica e melancólica e também não se compara às anteriores. Sade conta a história de uma mulher da Somália que vive na pobresa, procurando por pérolas para vender e enquanto narra a vida desta mulher, Sade se compara a ela e reflete como o capitalismo separa as pessoas. É uma música muito pesada.

“Bullet Proof Soul” é a última canção cantada por Sade, e encerra a história de sua personagem sereia que se humilhou por um amor comum. Sade canta sobre finalmente ter aberto os olhos para este homem que a machucou tanto, afirmando que ele não é o único peixe no mar e que ela escolhe a si mesma nessa situação. Finalizando o disco com muito empoderamento.

“Mermaid” é a faixa que encerra o disco, como uma canção que toca nos créditos do filme.

Sade - Love Deluxe, Art Deluxe - Limor Sharvit - Official Website ...

O disco tem um som super leve e conta uma história a princípio triste, mas que se desenvolve como um filme. É uma era da cultura pop a ser consumida por inteira, até as apresentações ao vivo que a banda usa as sereias como tema principal. É tudo muito bem planejado e executado,a voz de Sade é linda, os clipes e principalmente as canções.

Ouça na íntegra:

2 comentários sobre “Você Precisa Ouvir: Sade – “Love Deluxe” (Em busca de um amor irreal)

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.