Kwon Ji Yong: G-Dragon compara sua fama com “O Inferno De Dante”

A música popular coreana é surpreendente por vários motivos e um deles é a gigantesca variedade de artistas que cantam em diversos estilos, te dando a chance, como ouvinte, de escolher qual gênero musical você prefere explorar primeiro. Tem artistas alternativos, de Rap, Dance Pop (o mais usual), Lo-fi, e assim vai.

G-Dragon é um rapper que iniciou sua carreira ainda novo, com apenas 6 anos de idade, quando entrou para o grupo infantil Little Roo’Ra. Após o hype desse grupinho o artista passou a ser trainee da gravadora YG Entertainment, a mesma que cuida da carriera do Blackpink. O cantor alcançou o sucesso após ingressar na boyband Big Bang, em 2006, onde permanece até hoje (em hiatus).

Com uma carreira solo acontecendo em paralelo com a agenda do “Big Bang”, G-Dragon chegou a lançar quatro projetos entre 2009 e 2013, e após a promoção do seu segundo álbum “Coup d’Etat”, o artista entrou em hiatus por quatro anos, voltando apenas em 2017 quando lançou o EP “Kwon Ji Yong“.

O título da obra é na verdade o seu nome de batismo, o que significa que o EP tem um cunho mais pessoal em relação aos outros lançamentos. Este se chamaria “30”, fazendo alusão a então idade do cantor, trazendo esse conceito de amadurecimento nas faixas, mas após quatro anos sem lançar nada solo e estudando moda e conceitos literários, G-Dragon resolveu criar uma obra que soasse como um último lançamento, algo como um álbum de despedida.

A produção do EP ficou nas mãos do próprio cantor, que sempre foi bem chegado em composição e produção, em colaboração com Cawlr, Choice37, Future Bounce e Teddy Park. “Kwon Ji Yong” explora elementos do Hip-Hop, Trap e R&B.

G-DRAGON 2017 WORLD TOUR <ACT III, M.O.T.T.E> IN JAPAN Photobook ...

Originalmente o single promocional seria “Bullshit”, segunda faixa do EP, mas na época de lançamento seu parceiro de banda, TOP, foi hospitalizado e para evitar polêmicas G-Dragon decidiu que não haveria promoção para seu álbum, lançando como single a faixa “Untitled, 2014”, o que não impediu que “Kwon Ji Yong” atingisse um sucesso internacional.

Após o seu lançamento, Kwon Ji Yong atingiu o topo das paradas estadunidenses Billboard World Albums e Billboard Heatseekers Albums, além da parada japonesa Billboard Japan Hot Albums. Seu êxito comercial na China, levou o EP a vendas que ultrapassaram um milhão de cópias digitais em menos de uma semana e tornou-o posteriormente o álbum digital mais vendido de 2017 por um artista coreano. – Descrição fornecida por Wikipedia de acordo com Creative Commons Attribution CC-BY-SA 4.0

G-Dragon expands 2017 world tour to Manila, Jakarta and Kuala Lumpur

Lançado pelas gravadoras YG Entertainment e Genie Music, o EP conta com cinco faixas, essas que mostram a genialidade de G-Dragon como compositor, contando uma narrativa que possui início, meio e fim.

A faixa que abre o disco se chama “Middle Fingers-Up” e assim como Miley Cyrus, o rapper quer que o mundo inteiro se f*da, celebrando em sua letra o prazer de não ligar para nada. A letra é bem irônica ao ensinar o ouvinte a apontar e brincar com seu dedo do meio, enquanto aborda diversos problemas mundiais que talvez nunca sejam solucionados.

De fato “Bullshit” seria um ótimo single de estréia, pois a canção é bem alto astral e muito bem produzida. A música traz elementos do Trap e as rimas focam bastante na ostentação de seu dinheiro e sua fama, inclusive há muitos versos sobre cachorros e como o status vem de pequenos detalhes. A música ainda faz uma crítica à mídia, que o persegue a qualquer custo, lembrando que ele é uma celebridade desde os seus 6 anos de idade.

Logo após vem “Super Star”, que é a música mais Pop da obra, com batidas mais usuais e vocais mais trabalhados. A letra faz jus ao título, G-Dragon canta sobre viver como uma grande estrela, tendo direito a tudo que sempre sonhou, entretanto tudo tem um preço e o rapper paga com a sua imagem.

Temos então a balada romântica “Untitled, 2014” que é dedicada a um amor de seu passado, daí vem a data do título. A canção é tocada ao piano e mostra vocais sinceros do artista. É uma música bem melancólica, principalmente pelos versos “Pode ser mais fácil simplesmente morrer
do que você me perdoar. Canto esta canção, mas não sei se o verdadeiro significado chegará a você
“.

O EP é encerrado com a canção “DIVINA COMMEDIA”, que traz um sample incrível e um refrão tão incrível quanto. A música traz referências do poema de Dante Alighieri, que explora o inferno. O rapper faz alusão às camadas que o poeta detalha sobre o submundo, comparando a fama com um inferno de várias camadas.

Também é usado como referência o filme “Show De Truman”, estrelado por Jim Carrey, que fala sobre um homem que vive uma vida falsa, com pessoas que na verdade são atores de um reality show. A letra em si é sobre viver uma vida inteira diante da mídia, nos levando a entender que quando se é famoso, todas as pessoas que se aproximam de você são falsas.

Kwon Ji Yong” é uma obra linear que explora a sanidade de seu eu lírico. G-Dragon usa sua historia de vida de exemplo sobre como a fama pode ter um lado ruim. Nem tudo são flores e por trás de todo o dinheiro e toda fama existe uma pessoa normal com problemas cotidianos. O EP me remeteu ao caso #FreeBritney e a triste historia de Amy Winehouse, que não tiveram cabeça para lidar com os julgamentos da mídia.

8,5/10 | Nota

Ouça na íntegra:

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.